Consagração dos Acólitos e Ancilas


Antigamente, o serviço do altar na Santa Missa era feito pelos “meninos do coro”: meninos adolescentes que participavam do coro das igrejas, daí o termo “coroinha”; eles recitavam as orações e acompanhavam o sacerdote nas funções litúrgicas (cantar, servir ao altar…). Quando a Missa era rezada em latim, por exemplo, o povo não respondia às orações, apenas o coroinha é que recitava as respostas.
A palavra ACÓLITO vem do grego, através do latim acolythu, que significa acompanhador, ou seja, o que acompanha e ajuda o sacerdote na celebração da Santa Missa e nos ministérios do altar. ANCILA, do latimancilla, significa escrava, serva. Foi como Maria se intitulou na anunciação, falando com o Arcanjo Gabriel:“Ecce ancilla domini” (Eis aqui a serva do Senhor) (Lc 1,38).

Aconteceu neste sábado uma belíssima celebração na qual houve a renovação de votos e consagração dos quase 50 acólitos e ancilas de nossa Paróquia, distribuídos dentre as 7 capelas. Após o fim da Santa Missa, todos do grupo e seus familiares foram convidados a uma confraternização no Salão Paroquial com a apresentação de um vídeo de homenagem ao grupo.

Fotos:











Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Missa dos Idosos

Informativo – Batizados Paroquiais.